Chuvas fortes causam transtornos no Rio de Janeiro

<p>Após chuvas intensas desde a noite de ontem até a manhã desta segunda-feira (8),  a cidade do Rio de Janeiro segue em estágio de atenção. O temporal provocou bolsões d’água e alagamentos em diversos pontos da cidade e, além dos motoristas, prejudicou o BRT e os trens, que tiveram a circulação interrompida em alguns ramais.<br /><br />As regiões mais afetadas, desde a madrugada, foram as Zonas Norte e Oeste. Pela manhã desta segunda-feira (8), o Aeroporto Santos Dumont chegou a operar com auxílio de aparelhos.<br /><br />Durante a madrugada, o COR anotou 18 pontos com bolsões e acúmulo d’água em vias públicas da cidade, além de queda de galhos e árvores.  No trecho entre São Conrado e o Elevado do Joá, o alagamento chegou a mais de meio metro de altura. O mesmo ocorreu em Curicica, Higienópolis e Bonsucesso. Na Estrada das Furnas houve deslizamento de terra e afundamento de pista em Campo Grande.</p>
<p>De acordo com o Alerta Rio, o acumulado de chuva nas últimas 12 horas representa 30% da média mensal do mês de janeiro baseado nos dados do Sistema Alerta Rio.</p>
<p>De acordo com o Alerta Rio, a previsão para esta segunda-feira(8) é de tempo instável na cidade, com céu encoberto a nublado, chuva fraca a moderada de manhã e pancadas de chuva a partir da tarde. Há chances de rajadas de vento moderado a forte, principalmente à noite. A temperatura máxima prevista é de 28°C e a mínima de 19°C.</p>
<p><strong>Chuvas também atingem Região Serrana</strong><br /><br />No último sábado (6), houve deslizamentos sem vítimas em Teresópolis, Nova Friburgo e Trajano de Moraes. Segundo o sistema de Alerta de Cheias do Instituto Estadual do Ambiente (Inea), a região segue em estágio de vigilância.</p>
<p> </p>

About Author

DEIXE SEU COMENTÁRIO