Joias de filha de bicheiro Maninho são apreendidas na casa do irmão do presidente da Riotur

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +
Spread the love

O Ministério Público do Rio apreendeu nesta terça-feira (10) joias na casa de Rafael Alves, irmão de Marcelo Alves, presidente da Riotur.

As joias pertencem a Shanna Harrouche Garcia, filha do bicheiro Maninho, e que sofreu um atentado no ano passado, segundo informações de sua advogada. Entre as jóias apreendidas, estavam brincos e anéis.

Shanna e Rafael Alves foram casados, se separaram e reataram recentemente o relacionamento.

Em nota, o MP-RJ afirmou que o inquérito corre sob sigilo.

Shanna Harrouche Garcia chega à DH para depor sobre a morte do tio, Alcebíades Paes Garcia, em março de 2020 — Foto: Henrique Coelho/G1

Foto: Henrique Coelho/G1

Doleiro delatou esquema:

Um inquérito foi aberto no início de dezembro pelo MPRJ, com base na delação do doleiro Sérgio Mizrahy. Mizrahy foi preso na operação Câmbio Desligo, um desdobramento da Lava Jato no Rio.

No depoimento, Mizrahy chama um escritório da prefeitura de “QG da propina”. O doleiro não soube dizer se o prefeito Marcelo Crivella sabia da existência da estrutura.

De acordo com a delação, o operador do esquema é Rafael Alves. Rafael não possui cargo na prefeitura, mas, segundo reportagem do jornal O Globo, tornou-se um dos homens de confiança de Crivella por ajudá-lo a viabilizar a doação de recursos de empresas e pessoas físicas na campanha de 2016.

Depois da eleição, o empresário emplacou o irmão na Riotur e, segundo o doleiro, montou um “QG da propina”.

Mizrahy afirma que empresas que tinham interesse em fechar contratos ou tinham dinheiro para receber do município procuravam Rafael, com quem deixavam cheques. Em troca, ele intermediaria o fechamento de contratos ou o pagamento de valores que o poder municipal devia a elas.

Share.

About Author

DEIXE SEU COMENTÁRIO