Justiça proíbe entrada de menores no CT do Flamengo

Justiça proíbe entrada de menores no CT do Flamengo

Foto: Arquivo pessoal

A Justiça do Rio de Janeiro proibiu que menores entrem, permaneçam ou participem de atividades no  Centro de Treinamento do Clube de Regatas do Flamengo em Vargem Grande,  Zona Oeste, que pegou fogo na semana passada.

A decisão desta quarta-feira (13) é do juiz Pedro Henrique Alves da 1ª Vara da Infância, da Juventude e do Idoso.

Caso o clube descumpra a decisão, deverá pagar uma multa única de R$ 10 milhões, e o presidente da instituição, Rodolfo Landim, R$ 1 milhão.

Na decisão, o juiz ressalta que as proibições envolvendo menores é para que se coíba a possibilidade de outro “infortúnio” envolvendo crianças e adolescentes.

“Neste contexto, visando coibir a possibilidade de qualquer outro infortúnio envolvendo crianças e adolescentes no Centro de Treinamento do Clube de Regatas do Flamengo – Ninho do Urubu, faz-se necessário o acolhimento, em parte, do pedido formulado pelo Ministério Público”,  afirma o juiz.

Share.

About Author

DEIXE SEU COMENTÁRIO