Tirar fotos por baixo das saias se tornou crime sexual na Inglaterra e País de Gales

Tirar fotos por baixo das saias se tornou crime sexual na Inglaterra e País de Gales

Foto: Peter Nicholls /Reuters

Tirar fotos por baixo das saias se tornou a partir desta sexta-feira (12) crime sexual na Inglaterra e País de Gales, com pena de dois anos de prisão.

A nova lei foi possível após a campanha iniciada em 2017 por Gina Martin.

A jovem de 27 anos passou por um episódio com estas caraterísticas quando estave em um festival de música em Londres. Um homem se aproximou dela e após começar a conversa tirou uma foto com seu telefone celular por baixo de sua saia para, posteriormente, enviar a imagem pela internet.

Após denunciar o ocorrido à polícia, Gina foi informada que essa prática não figurava como crime. Gina relatou o que tinha acontecido na sua página do Facebook em um post que se tornou viral, e no qual pedia à polícia que reabrisse o caso. Outras mulheres que tiveram experiências similares aderiram a seu pedido.

A deputada liberal-democrata Wera Hobhouse  abraçou o projeto e levou essa campanha ao Parlamento.

Share.

About Author

DEIXE SEU COMENTÁRIO