Sobe para 59 o número de mortos no incêndio da Califórnia

Sobe para 59 o número de mortos no incêndio da Califórnia

Foto: Nasa/Cortesia à Reuters

O incêndio florestal na Califórnia já deixou 59 mortos e cerca de 130 pessoas continuam desaparecidas, principalmente idosos que moravam em Paradise, cidade que foi totalmente destruída pelo incêndio.

“Restos de oito novas vítimas foram encontrados”, disse o xerife Kory Honea em entrevista. Ele também anunciou a chegada de material para acelerar a análise genética. “A partir de amanhã, todos que acharem que um membro de sua família morreu podem vir deixar uma amostra de DNA”.

Os bombeiros trabalham com 461 profissionais, auxiliados por 22 cães especializados na busca dos corpos. Policiais já conseguiram localizar mais de 200 pessoas, afirmou o xerife.

No norte do estado, não está prevista chuva até o final da próxima semana. Autoridades locais emitiram um alerta de poluição do ar devido aos incêndios. Muitas ordens de evacuação continuam em vigor, e não devem ser levantadas por semanas.

A origem dos incêndios não é clara, mas vítimas abriram um processo coletivo em San Francisco contra a empresa de eletricidade local Pacific Gas & Electricity (PG&E). De acordo com a denúncia, do advogado Mike Danko, que representa 20 vítimas do Camp Fire, o incêndio pode ter sido causado por “faíscas de solda” sobre uma linha de alta tensão da empresa. A PG&E negou qualquer responsabilidade.

About Author

DEIXE SEU COMENTÁRIO