Polícia da Austrália prende homem por enviar pacotes com material suspeito a embaixadas e consulados

Polícia da Austrália prende homem por enviar pacotes com material suspeito a embaixadas e consulados

Foto: Kaitlyn Offer/AAP Image via AP

Um homem de 48 anos foi preso após a polícia australiana montar uma operação contra pacotes suspeitos enviados a embaixadas e consulados no país na quarta-feira (9). Dez escritórios internacionais receberam  as correspondências.

Cerca de 29 pacotes já foram recuperados pela polícia. As autoridades ainda apuram o que havia exatamente dentro das embalagens.

Segundo a polícia através de um comunicado, o homem vai ser formalmente acusado por enviar itens perigosos pelo serviço postal. pena para o crime chega a até 10 anos de prisão

– O caso

Diversos pacotes suspeitos foram enviados a embaixadas e consulados no país na quarta-feira (9). Não houve relatos de feridos.

Segundo a  mídia local, aproximadamente 10  escritórios de representação estrangeira receberam os pacotes, e que alguns funcionários disseram que eles continham amianto, um material utilizado em construções que pode causar câncer e outros problemas de saúde.

Até o momento, não há informações sobre qualquer possível motivação, e alguns dos locais afetados  estavam abertos normalmente na parte da tarde de ontem.

“Os pacotes estão sendo examinados pelos serviços de emergência presentes”, afirma a Polícia Federal australiana em breve comunicado.

De acordo com informações da polícia,  os pacotes foram enviados para consulados em Melbourne e embaixadas em Canberra. “As circunstâncias envolvendo os incidentes estão sendo investigadas”, explica a polícia.

About Author

DEIXE SEU COMENTÁRIO