Furacão atinge Portugal

Furacão atinge Portugal

Carlos Costa/AFP

A tempestade Leslie que atingiu Portugal no último domingo (14) , causou grandes estragos. De acordo com jornais locais, há uma morte. A vítima foi atingida por uma árvore na cidade de Amieiro. 28 pessoas ficam feridas e mais de 60 desalojadas. A maior parte dos estragos aconteceu em Coimbra.

Segundo registros meteorológicos, Leslie seria o furacão mais poderoso a atingir Portugal desde 1842.

De acordo com o Correio da Manhã, jornal local, os ventos chegaram a mais de 180 km/h e foi rebaixado para uma tempestade pós-tropical. A tempestade derrubou muitas árvores, além de provocar quedas de estruturas e deslizamento de terra. Mais de 300 mil pessoas ficaram sem energia elétrica.

Em Figueira da Foz, no distrito de Coimbra, muitas ruas estão bloqueadas por troncos caídos. A companhia de energia elétrica EDP declarou “estado de emergência” em Coimbra.

Além do distrito de Coimbra, de acordo com o Diário de Notícias, foram afetadas outras regiões, como Aveiro, Leiria, Viseu, Lisboa e Porto. Em Soure, uma das cidades mais afetadas, o prejuízo chega a 1 milhão de euros (4,38 milhões de reais). A tempestade passou pelo norte da Espanha e sul da França, provocando muitos estragos.

As autoridades pediram às frotas de pesca para voltarem ao porto e a companhia aérea TAP cancelou cerca de trinta voos de Lisboa ou para a capital portuguesa.

A tempestade passou ao norte da Espanha, com menos força. Foram registradas rajadas de ventos de 100 km/h durante a madrugada.

Na Catalunha, 17 pessoas ficaram feridas.. Na ilha de Mallorca, 12 pessoas morreram nas enchentes na terça-feira (9). Na França, 13 pessoas morreram pelas enxurradas causadas por fortes chuvas.

About Author

DEIXE SEU COMENTÁRIO