Irlanda legaliza o aborto com 66% dos votos da população

Com 66,4% dos votos, a Irlanda aprovou a legalização do aborto no referendo realizado na última sexta-feira (25) para revogar a 8° emenda à Consituição. O país em que predomina a tradição católica, proibia interrupção da gravidez em praticamente todos os casos.

A partir de agora o aborto passa a ser permitido até a 12ª semana de gestação – e em caso de risco para a saúde da mulher e anormalidade fetal até a 23ª semana. Na Europa, apenas Polônia e Malta mantêm a proibição.

Taoiseach Leo Varadkar, primeiro-ministro da Irlanda, se manifestou no twitter: “Fantástica multidão no Castelo de Dublin. Dia memorável. Uma revolução silenciosa aconteceu, um grande ato democrático”.

O jornalista da edição irlandesa do ‘’Time’’, Jason O’Mahony também expôs sua opinião na rede social: “Quando eu era jovem, você não podia comprar preservativos, ser homossexual, se divorciar, nem ver ‘A vida de Brian’. Agora somos um dos países mais liberais do mundo. Incrível”

Há três anos a Irlanda legalizou o casamento homossexual.

About Author

DEIXE SEU COMENTÁRIO