Superintendente comenta aumento de moradores de rua na Barra da Tijuca

<p>Em entrevista ao repórter Aroldo Machado, o superintendente da Barra, Recreio e Vargens, Carlos Magno, comentou a situação dos moradores de rua na Barra da Tijuca, cujo os números aumentaram drasticamente nos últimos meses. <br /><br />Magno revela que as autoridades já estão fazendo um levantamento sobre a população itinerante para tentar entender a sua origem, uma vez que o problema de alguns é o custo elevado do transporte de suas casas para o locais de trabalho.</p>
<p>"Alguns passam a semana dormindo na rua para tentar economizar nas passagens e depois voltam para casa".<br /><br />O superintendente ressaltou a importância desta pesquisa de diagnóstico e revelou que mais de 80% da população de rua entrevistada mora fora da região. Segundo Magno, a palavra de ordem no momento é acolhimento: <br /><br />"Não adianta ficarem aqui somente reclamando, dizendo que tem morador de rua, mas as pessoas continuam dando moedas no sinal, comprando balas e, principalmente, alimentando essa população de rua no local. O que a gente precisa é de acolhimento!", explicou.</p>
<p><br /><br /><br /><br /><br /><br /></p>

About Author

DEIXE SEU COMENTÁRIO