Socialite Carmen Mayrink Veiga morre aos 88 anos no Rio

<p>Morreu em sua casa, no último domingo (3), aos 88 anos, a socialite Carmen Mayrink Veiga. O corpo será cremado no Memorial do Carmo, às 14h de terça-feira (5). A família ainda não informou o horário do velório. <br /><br />Carmen nasceu numa tradicional família do sudeste. Pelo lado materno, é neta do Barão de Arari e sobrinha-neta do Barão de Araras. Seu pai, Enéas Solbiati era um rico financista do interior de São Paulo e foi cônsul honorário do Reino da Itália.<br /><br />Carmen Mayrink Veiga se consagrou no mundo da moda e era frequentadora assídua dos desfile da alta costura francesa. Em 1956, casou-se com o empresário Antônio (Tony) Alfredo Mayrink Veiga, herdeiro de uma fortuna multimilionária. Tony morreu em junho do no ano passado. <br /><br />Juntos, participavam de diversos eventos do jet set internacional, entre caçadas na África, e festas com multimilionários de diversos países. Costumavam fazer muitas festas na sua residência e transportavam convidados a bordo de supersônicos. O casal teve dois filhos (Antenor e Tereza Antônia) e cinco netos.<br /><br />Conhecida pelo glamour e inquestionável elegância, constou na lista das mulheres mais bem vestidas do mundo da revista “Vanity Fair”. Carmen também foi retratada por artistas como Portinari, Andy Warhol e Di Cavalcanti, e clicada por fotógrafos renomados como Francesco Scavullo, Richard Avedon, Mario Testino e Bob Wolfenson.</p>

About Author

DEIXE SEU COMENTÁRIO