Petrópolis receberá verba para reconstrução de áreas atingidas

<p>A prefeitura de Petr&oacute;polis, na Regi&atilde;o serrana do Rio, deve concluir ainda nesta segunda-feira (12) o relat&oacute;rio sobre o temporal que atingiu a cidade nos &uacute;ltimos dias e resultou na morte de quatro pessoas, v&iacute;timas de deslizamento de terra. <br /><br />A ajuda a Petr&oacute;polis na recomposi&ccedil;&atilde;o das &aacute;reas atingidas pela chuva chegar&aacute; em 10 dias. O prazo foi anunciado pelo ministro da Integra&ccedil;&atilde;o Nacional, Helder Barbalho que vistoriou com o prefeito Bernardo Rossi, os bairros do Caxambu e Posse, &aacute;reas mais atingidas pelo temporal.</p>
<p><strong><span style="text-decoration: underline;">Ocorr&ecirc;ncias</span><br /></strong>O munic&iacute;pio de Petr&oacute;polis registrou 201 ocorr&ecirc;ncias desde s&aacute;bado passado, sendo 101 deslizamentos de terra. Foram interditadas&nbsp; 28 casas nas &aacute;reas mais atingidas, devido ao risco de deslizamento, no Caxambu, em Bela Vista e&nbsp; Posse. S&atilde;o 60 fam&iacute;lias desalojadas, totalizando 198 pessoas que deixaram as suas casas em todo o munic&iacute;pio. Foram removidas mais de 1,3 mil toneladas de lama nas &aacute;reas atingidas pelo temporal. Em toda a cidade, mais de 150 homens da prefeitura atuam na limpeza e desobstru&ccedil;&atilde;o de vias. Apenas a Estrada Uni&atilde;o e Ind&uacute;stria, na Jacuba, e a Rua Nossa Senhora de F&aacute;tima, na Posse, permanecem interditadas.</p>
<p><strong>Leia mais:&nbsp;</strong><br />- <a href="../notas/deslizamento-terra-estragos-morte-regiao-serrana"><strong>Deslizamento causa morte e estragos na Regi&atilde;o Serrana</strong><br /></a>- <strong><a href="../notas/apos-fortes-chuvas-onibus-e-arrastado-por-enchente-em-petropolis">&Ocirc;nibus &eacute; arrastado por rio ap&oacute;s enchente em Petr&oacute;polis</a></strong><br /><br /><br /></p>
<p>&nbsp;</p>
<p>&nbsp;</p>

About Author

DEIXE SEU COMENTÁRIO