Autorizada a demolição de parte da casa de Romário

<p>Uma derrota fora dos gramados para o ex-jogador e senador Rom&aacute;rio. A autoriza&ccedil;&atilde;o para a demoli&ccedil;&atilde;o de parte de sua casa, em um condom&iacute;nio de luxo na Barra da Tijuca, foi publicada pela Prefeitura do Rio em Di&aacute;rio Oficial . <br /><br />De acordo com um laudo da Secretaria Municipal de Urbanismo, Infraestrutura e Urbaniza&ccedil;&atilde;o, parte do im&oacute;vel foi erguido em &aacute;rea p&uacute;blica, e a constru&ccedil;&atilde;o ultrapassa o limite da &aacute;rea edificada permitida. O laudo ainda ressalta que Rom&aacute;rio teria demolido 60% do que ergueu e acrescentou mais de 600 metros quadrados na &aacute;rea corrida. A &aacute;rea total tem 1.575 metros quadrados, e conta com um campo de futebol.<br /><br />O senador nega que seja o propriet&aacute;rio da casa, avaliada em R$ 6,4 milh&otilde;es. O im&oacute;vel ainda est&aacute; registrado em nome da advogada Adriana Sorrentino, pois segundo ela, a compra n&atilde;o foi quitada.<br /><br /><br /></p>

About Author

DEIXE SEU COMENTÁRIO