Preços de combustíveis no Brasil. Por que temos crises frequentes ?

Professores:

Edmar Almeida
Graduado em Economia pela Universidade Federal de Minas Gerais
Mestre em Economia Industrial pelo Instituto de Economia da UFRJ
PHD em Economia Aplicada pelo Instituto de Políticas Energéticas e Econômicas na Universidade de Grenoble, França
Autor e coautor de diversos livros, artigos, e frequente speaker em seminários e conferências, no Brasil e Exterior

Luciano Dias Losekann
Graduado em Ciências Econômicas pela UFRJ
Doutor em Economia da Indústria e da Tecnologia pela UFRJ
Coordenador do Programa de Pós-graduação em Economia da UFF e Foi professor visitante na Universidad Pontificia Comillas (Madrid)
Possui diversos artigos e capítulos de livros no tema

Preços de combustíveis no Brasil.

Por que temos crises frequentes de preços de combustíveis no Brasil?
Especialmente com relação ao Diesel?
Nossa malha logística rodoviária dominante tem influência nisto?

Por que não há importação de equilíbrio?
Estamos aquém ou além dos valores de mercado mundial?

O nosso refino estaria adequado para o novo óleo do présal ou estaria adequado para o passado de Marlim pesado?
E as minirefinarias?

Estas “perguntas” sobre preços do presidente para a Petrobras tem conserto?

Existe alguma forma do Governo criar políticas para preços de combustíveis que não prejudiquem a Petrobras?

 

Share.

About Author

DEIXE SEU COMENTÁRIO